Texto sobre aposentadoria precoce de Geraldo Alckmin é falso

Texto sobre aposentadoria precoce de Geraldo Alckmin é falso

Nos últimos dias, usuários nas redes sociais voltaram a compartilhar uma antiga notícia mentirosa sobre Geraldo Alckmin. A nota diz que o governador de São Paulo teria se aposentado aos 42 anos, o que não é verdade. Trata-se de mais um caso de fake news. Pessoas mal intencionadas trocaram o nome do ex-presidente Lula pelo de Geraldo Alckmin.

O texto mentiroso, que foi disseminado pela primeira vez durante a campanha de 2006, usa como fonte um suposto artigo de Cláudio Humberto. O autor confirmou a manipulação do texto. À época, os responsáveis pela corrente foram identificados e processados.

Quem recebeu aposentadoria mencionada foi, na verdade, o ex-presidente Lula, graças a um mecanismo de reparação aos anistiados da Ditadura Militar.

Lamentamos que novamente estratégias mentirosas estejam sendo utilizadas no país. Defendemos o discurso franco com os brasileiros. Queremos união para mudar o Brasil. Não compactuamos com aqueles que querem confundir e dividir os eleitores.